Bienal do livro (BRUNAAA) ❤️

 Gente, demorei muito pra fazer esse post mas aqui está ele, contando a minha experiência na Bienal do Livro de SP e como foi conhecer a linda da Bruna Vieira ❤️

 Eu já vinha combinando de meus pais me levarem pra Bienal uns dois meses antes, que foi quando o site da Capricho confirmou a presença da queen Bruna e eles, como sempre, ficaram falando que mais pra frente a gente conversava. Eu queria levar uma amiga, e a Bia (best ❤️) é super fã da Bru também, mas eu pensei de primeira que os pais dela não deixariam pois era longe e tals. 
Na semana do dia 24 eu já estava a mil, claro! Meu pai ficou de cara feia mas concordou em me levar e minha mãe falou que iria com a gente, só faltava chamar uma amiga... Daí, certo dia (não lembro, mas foi provavelmente na quarta) eu fiquei com a Bia até mais tarde na escola pra esperar o pai dela chegar, e aproveitar carona (carona em carro moderno: irrecusável), então antes de descer eu soltei a bomba e sai correndo, óbvio! "Sabe, a Bia já falou da Bienal esse domingo?" "Hã? Como assim filha?" "Valeupelacaronabeijotchau!". Claro que ela ficou meio brava comigo na hora, mas graças a mim (#sqn) os pais dela acabaram deixando.
Tudo resolvido, agora é só não morrer de ansiedade! Não tem nem como descrever tanta felicidade em poder conhecer a Bruna Vieira... É como um Lovatic conhecendo a Demi, uma Belieber conhecendo o Justin e por aí vai ☆_☆. Eu juro, foram os dias que mais demoraram pra passar da minha vida TODA! Demorou, mas logo era sábado e nós duas fomos aos nossos eventos comuns de sábado, cada uma na sua rotina, mas quando deu meia noite (pelo menos pra mim) foi alucinante *-*. Eu lembrei que tinha que escrever a carta então peguei uma caneta e a primeira folha bonitinha que achei no quarto, e no escuro mesmo escrevi a carta só pra não passar batido ❤️

Eram 7h da manhã, eu mal havia dormido mas já estava de pé falando com a Bia sobre qual roupa nós vestiríamos pelo WhatsApp enquanto meu pai chegava, minha mãe se arrumava... Enfim, todo mundo estava se preparando. Mais ou menos 7h40 a Bia chegou e nós fomos direto pra Bienal, e como se não bastasse nós estarmos morrendo de medo de já estar lotado, nos deparamos com uma fila imensa. A gente não ia desistir fácil MESMO, não importava a grossura da minha meia calça nem o quanto o coturno estava esquentando e apertando, eu não saía daquela fila nem por um pote de sorvete gigante (comida gigante ❤️).
8h tava as guria lá, correndo feito doida atrás de onde seria a palestra da musa/rainha, até que a gente vê uma fila com pelo menos 10 pessoas e obviamente se anima porque vamos conseguir ótimos lugares. Depois de um bom tempo de espera e troca de lugar, lá estava eu, a Bia e nossa nova amiga Mayara, grudadas no limite da grade (lugar proibido, mas é pra ver a Bruna u.u). Ela apareceu, filmou, sorriu, mandou beijos, enquanto eu questionava como eu tirei fôlego pra chorar e gritar tanto *-* deu um show de simpatia e humildade, sendo a Bruna que eu via nos vídeos e realmente esperava!
No meio da palestra eu percebo que algumas meninas já estão com a pulseirinha da senha pra receber o autógrafo da Bru e me desesperei, pois era pra eles começarem a entregar só 14h (nem tinha dado 11h!). Liguei pros meus pais, que estavam na parte de fora da palestra, e avisei sobre as senhas. Quase não tinha mais esperanças, só que depois de uns 15 minutos minha mãe ligou e me mandou olhar pra trás: ela e meu pai conseguiram as senhas!
Acabou a palestra, eu já prendi o cabelo, tirei a meia, fui comer e esperar o horário dos autógrafos... Era impressionante o tanto de gente naquele lugar! Eu e a Bia sentamos no chão pra poder comer '-'. Depois de várias horas sem nada pra fazer nós decidimos ir pra fila das senhas pro autógrafo. Foi realmente uma luta ficar quase uma hora sentada ali naquele espaço minúsculo, passando mal, morrendo de dor de cabeça... Mas sem tirar o sorriso do rosto e a cara de ansiedade, é claro :3. As garotas estavam sendo levadas de 20 em 20, mas pensa, pra nº 308 e nº 309 foi uma eternidade né! Deu tempo até de a Bia escrever uma segunda parte da carta :3 Finalmente chegou a vez do nosso grupinho ir conhecer a Bruna e eu nem conseguia acreditar ❤️ Eu estava tremendo muito, não tinha caído a ficha que a distância entre eu e a pessoa que mais me inspira e me faz acreditar nos meus sonhos era tão pequena... Ela autografou o livro e tirou foto com a menina que estava na minha frente, depois olhou pra mim e disse, com um sorriso lindo: "Oi! Pode entrar!" gelei, minhas pernas tremeram durante aqueles pequenos passos que eu dei, mas cheguei até ela com o maior sorriso que eu consegui dar e entreguei o meu De Volta Aos Sonhos pra ela autografar. Não consegui dizer nada, até que ela brincou "então, sabe... Eu perdi minhas boinas, e estava atrás de uma nova, tipo a sua... Brincadeira hahaha!" e nessa hora eu não sabia se ria ou chorava hehehe... Ela também me perguntou se eu já havia ido em um lançamento e eu respondi que não, daí ela perguntou "nossa, mas parece que eu te conheço... Já falei com você em alguma rede social?" e minhas últimas palavras com ela foram "sim, você já me respondeu no twitter" *-* ela disse que era de lá que ela me conhecia, me deu um beijinho, daí eu peguei meu livro e tiramos uma foto ❤️ Foi o melhor minuto da minha vida!
Enquanto eu saía pra pegar meu botton da Bru, chorando oceanos, foi a vez da Bia receber o autógrafo... Nem precisei perguntar como foi, pois enquanto eu chorava e andava até a fila ela veio correndo e pulou nas minhas costas, gritando e pulando muito! Hahaha, nós começamos a gritar e pular (no meio de todo mundo, edaí?) chorando muito, porque né! 
Pegamos nossos bottons e viemos pra minha casa chorando, rindo... Completamente realizadas *-*
E esse foi meu dia na Bienal, ou em outras palavras, o melhor dia da minha vida !! ;3

❤️ Tô feia mas tô com ela haha ❤️

2 comentários: